8 de Set. de 2016 às 14:41

Em Sorriso, policiais militares prendem duas mulheres por cultivar maconha em casa

Essa é a quarta plantação doméstica de maconha localizada este ano na região

Gazeta MT

No bairro Fraternidade, em Sorriso, policiais do 12º Batalhão de Polícia Militar localizaram uma plantação doméstica de oito pés de maconha. Na mesma casa havia ainda materiais que poderiam ser usados no incremento do cultivo, como adubo e sistema de iluminação supostamente para acelerar o desenvolvimento das plantas em ambiente interno, sem luz natural.

Na residência foram presas duas mulheres suspeitas de serem as cultivadoras: F.A.R., de 25 anos, e C.B.S.,28. A plantação foi localizada a partir de uma denúncia anônima que apontava a casa delas como um ponto de venda de drogas, porém no local não havia entorpecente pronto para comercialização.   

De acordo com o artigo 33, parágrafo 1º, inciso II, da lei nº 11.343/06, semear, cultivar ou fazer colheita, sem autorização ou em desacordo com a determinação legal, de plantas que se constituem como matéria-prima para a preparação de drogas tem pena de reclusão de 5 a 15 anos e pagamento de multa.

Em Sorriso, em maio deste ano um adolescente de 16 anos foi apreendido por plantar maconha. Já em Sinop, a 80 quilômetros, foram três ocorrências de prisões por cultivo de maconha com apreensões de pés da droga e diversas prisões. Em uma das ocorrências, os policiais apreenderam também pasta base de cocaína e porções de maconha.