7 de Set. de 2018 às 11:17

Por enquanto, agronegócio investe somente em Pedro Taques

Gazeta MT

Entre todos os candidatos mato-grossenses, apenas o tucano Pedro Taques recebeu recursos do agronegócio para o financiamento de sua campanha à reeleição. Os valores estão devidamente declarados.

A influência do patrocínio vem do candidato a vice, Rui Prado. Taques já arrecadou R$ 125 mil de dois empresários do ramo. A maior doação veio de Carlos Ernesto Augustin, fundador do Sementes Petrovina, que investiu R$ 100 mil na campanha de Taques. A empresa é uma das maiores produtoras de soja do Brasil e Augustin chegou a ser presidente da Associação dos Produtores de Sementes em Mato Grosso (Aprosmat).

O outro financiador é Valdir Roque Jacobwski, produtor rural em Campo Novo do Parecis e participante do conselho fiscal da Associação Mato-grossense dos Produtores de Algodão (Ampa), doou R$ 25 mil.