12 de Out. de 2017 às 07:00

Dias das crianças deve movimentar R$8,8 bi no Brasil, incluindo Rondonópolis

Pesquisas da Fecomércio e ACIR levantam índices percentuais de intenção de compra

Gazeta MT

As vendas relacionadas ao Dia das Crianças devem gerar movimento de R$ 8,8 bilhões no comércio do País, revela pesquisa da Fecomércio-RJ (Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro) e do Instituto Ipsos. Foram entrevistados 1.200 consumidores no Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Belo Horizonte, Florianópolis, Salvador, Recife e em mais 64 municípios brasileiros, entre os dias 1 e 14 de agosto passado.

Brinquedos, com 61% das respostas, seguem na liderança entre as opções preferidas para presentes para as crianças, vindo a seguir roupas (20%), calçados (5%) e bicicletas (3%). "A tradição fala mais alto nessas horas", analisou Travassos. Já pesquisa realizada pela Boa Vista SCPC aponta que as compras de presentes no próximo Dia das Crianças devem ser pressionadas pelos preços elevados dos produtos e pela contenção de gastos das famílias. Entre 1.100 pessoas consultadas no País, 57% informaram que pretendem gastar uma quantia igual ou menor do que em 2016 para presentear os pequenos.

O aumento de preços foi citado por 34% dos entrevistados, enquanto o corte de gastos foi apontado por 28% como justificativa para não aumentar a despesa com o presente. Ainda foram declarados o pagamento de outras despesas (19%), como contas domésticas; desemprego (10%); e redução de renda (9%). Enquanto isso, 43% pretendem comprar um presente mais caro na data comemorativa. O preço será determinante para a decisão em 40% dos casos. Já o desejo da criança será levado em conta por 33% dos consultados, enquanto a necessidade do produto deve ser considerada em 24% das compras. Os consumidores que não irão presentear na data correspondem a 31% dos entrevistados.

Rondonópolis

O Instituto de Pesquisa Acir - IPA, divulgou o resultado da pesquisa de intenção de compras para o dia 12 de outubro, Dia da Criança. O levantamento de dados foi realizado pelos pesquisadores na cidade de Rondonópolis, na primeira quinzena de setembro quando foram entrevistados 359 consumidores.

Os dados apontam que 71% dos entrevistados estão atentos à data e comprarão presentes para filhos, sobrinhos e netos. Quanto ao valor que o consumidor pretende gastar com o presente da garotada gira entre R$ 81,00 a R$ 150,00.

Outro dado que a pesquisa mostra é que entre os presentes mais prováveis estão os brinquedos e roupas, e a preferência de 75% dos consumidores é de realizar as compras nas lojas do centro da cidade.

Quanto ao pagamento dos presentes para as crianças, 66% manifestaram interesse em pagar à vista e apenas 16% pretendem parcelar no cartão de crédito. Vale lembrar que a maioria da amostragem foi feita entre as mulheres (66%) entre 25 e 34 anos de idade.

A metodologia utilizada pelo Instituto de Pesquisa da ACIR foi a quantitativa e a amostragem foi a aleatória do tipo simples. A técnica de coleta dos dados foi de entrevista presencial aplicada por meio de questionário desenvolvido pelo IPA.

O objetivo das pesquisas realizadas pela ACIR é fornecer ao empresário um instrumento que mostra o quadro sobre o provável comportamento do consumidor em datas comemorativas, com foco na intenção de compras e preferências do consumidor rondonopolitano. Em todas as pesquisas o diferenciais apontados na hora de decidir é o bom atendimento, preço e condições de pagamento.