5 de Dez. de 2018 às 08:01

Mauro Mendes anuncia equipe e rombo bilionário nos cofres de MT

Anúncio está programado para os próximos dias após análise da equipe de transição

Cuiabá, MT - Rafael Costa

Após coletar dados e analisá-los minuciosamente nas últimas semanas, a equipe de transição do governador eleito Mauro Mendes (DEM) prepara uma apresentação em público das informações levantadas nos meses de outubro e novembro.

A equipe é composta pelo governador e vice-governador eleito, Mauro Mendes e Otaviano Pivetta (PDT), respectivamente e outros componentes que deverão integrar a equipe administrativa a ser empossada a partir do dia 1º de janeiro de 2019.

O principal elemento a ser divulgado neste balanço financeiro é o déficit fiscal orçamentário a ser herdado da gestão do governador Pedro Taques (PSDB).

Embora a atual gestão tenha pregado discurso moderado de que o rombo é de R$ 1,7 bilhão, o valor real seria superior a R$ 3 bilhões.

Com o discurso de modernização da máquina estatal, o governador eleito Mauro Mendes já anunciou que planeja reduzir o número de secretários de Estado bem como cargos comissionados, que são de indicações políticas. 

Uma das propostas é reduzir pelo menos 20 empresas públicas do Estado e adotar outras medidas de contenção de despesas para garantir o equilíbrio das contas públicas e assim recuperar a retomada de investimentos.