29 de Abril de 2019 às 14:28

Polícia Ambiental encontra carvoarias clandestinas em fazendas na MT-370

Nos locais foram apreendidos 570 sacos de carvão vegetal que não tinham licença para serem produzidos

Rondonópolis, MT - Sirlei Alves

Nos dois locais foram apreendidos 570 sacos de carvão vegetal que não tinham licença para serem produzidos. (Foto: divulgação PM/MT)Policiais da 2ª Companhia de Polícia Militar de Proteção Ambiental localizaram, nesse domingo (28), no município de Itiquira (MT), duas carvoarias clandestinas dentro de duas fazendas na MT-370. Nos locais foram apreendidos 570 sacos de carvão vegetal que não tinham licença para serem produzidos.

A polícia informou que foi acionada pelo promotor de Justiça da comarca de Itiquira devido o recebimento de várias denúncias de crimes ambientais na localizada. A plataforma Global Forest Watch também identificou focos de incêndios naquela região.

Por esses motivos, os policiais foram até a sede de uma das fazendas e encontraram o proprietário. O dono ficou sabendo da situação e deixou a equipe ir até a coordenada geográfica, que dava dentro da fazenda dele.

No local, os policiais encontraram uma carvoaria em pleno funcionamento com dois fornos acesos e 290 sacos de carvão vegetal. Foi solicitado ao proprietário as licenças ambientais necessárias para o funcionamento da atividade, porém, ele disse que não possuía. Diante dos fatos, a equipe realizou a destruição dos fornos e apreensão dos sacos de carvão vegetal.

Já em outra propriedade próxima, os policiais encontraram mais uma carvoaria em pleno funcionamento com três fornos, mas no momento da abordagem apenas dois estavam acesos. Lá foram apreendidos 280 sacos de carvão vegetal.

Os dois donos das fazendas foram autuados pelos crimes ambientais. Já os sacos de carvão vegetal foram apreendidos.