19 de Junho de 2017 às 14:59

Rondonópolis vai se filiar ao Cidesasul, informa assessoria da Prefeitura

Nota enviada não detalha custos e contrapartidas da atual gestão, adepta a contratos em outros serviços

Robson Morais

O prefeito de Rondonópolis, José Carlos do Pátio, garantiu que o município fará parte do Consórcio de Desenvolvimento Social, Econômico e Ambiental da Região Sul de Mato Grosso (Cidesasul). A informação foi enviada à imprensa pela assessoria da Prefeitura.

Ainda conforme a nota, a decisão foi tomada após a visita do atual gestor, o prefeito de São Pedro da Cipa, Alexandre Russi, na última terça-feira (13), quando apresentou um balanço das ações e projetos.  "Nós temos que começar a trabalhar juntos, trabalhar por um projeto único. Realmente Rondonópolis vai entrar. Nós não vivemos sozinhos. Todos nós temos que viver juntos e unidos e o consórcio é uma forma de unir as forças, junto aos prefeitos", justificou Pátio.

Segundo o secretário executivo do Cidesasul, Rosandro de Moura Andrade, o consórcio atende a com 8 municípios da região. O consórcio prevê trabalho integrado para projetos de infraestrutura.

A assessoria não entrou no texto enviado em detalhes quanto aos custos, se haverá ou não, e demais termos da adesão de mais este acordo entre o Executivo e consórcio. Já nos primeiros meses de governo, Pátio tem seguido a linha do fechamento de parcerias para tercerização e prestação de serviços em outros setores. Na Saúde, Prefeitura de Rondonópolis já desembolsou o montante significativo de R$ 53 milhões em contratos fechados junto ao Consórcio Regional, que é particular.  

Outro, com o mesmo Consórcio Regional, previa análise de água consumida e foi revogado.