4 de Julho de 2019 às 11:00

Depois de ser afastado do cargo, prefeito agora enfrenta greve na Saúde

Gazeta MT

O prefeito da pequena e simpática cidade de Pedra Preta, Juvenal Pereira Brito, conhecido como Ná, que retornou ao cargo recentemente, depois de ser afastado preventivamente pela Justiça por estar "atrapalhando" uma investigação que apura suposta improbidade administrativa cometida por ele, seu vice e outras pessoas, agora irá enfrentar uma greve dos médicos e demais servidores públicos da área da Saúde.

Investigado por CPIs e Comissões Processantes, Ná tem conseguido se manter no cargo graças ao apoio de caciques de seu partido, o MDB, e de apoio de políticos influentes do estado, mas tem enfrentado uma crise após a outra, enquanto a cidade padece por falta de gestão, tomada por buracos e com problemas que carecem soluções urgentes.

Por último, ele resolveu cortar o adicional de insalubridade dos servidores públicos da Saúde e gratificações pagas aos motoristas da administração como complemento de salários, o que levou os trabalhadores a iniciarem uma greve por tempo indeterminado a partir de hoje (4), o que deve piorar ainda mais a situação da cidade.

Pelo visto, nesse caso, é verdade o ditado que diz que "nada está tão ruim que não possa piorar"...infelizmente!