9 de Out. de 2019 às 09:23

Energisa na mira dos deputados

Gazeta MT

Campeã absoluta de reclamações nos Procons do estado, devido ao seu péssimo atendimento e por conta das constantes cobranças abusivas, a empresa Energisa, concessionária de energia elétrica em Mato Grosso, poderá ser alvo de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa. O requerimento da CPI, que tem 18 assinaturas, foi protocolado ontem (8) e deve ter como objeto principal as cobranças indevidas e abusivas.

A criação da CPI é uma iniciativa do deputado Elizeu Nascimento (DC) e também deverá se ater ao mal atendimento prestado pela empresa à seus clientes, que penam para serem atendidos. Por conta dessa e de outras situações, a empresa lidera há muitos anos o ranking de reclamações no estado, deixando claro que sua única preocupação é ganhar o suado dinheiro dos mato-grossenses.

O Buxixo sugere aos deputados que também investiguem o repasse dos impostos devidos pela empresa, como o ICMS que é pago pelos consumidores e muitas das vezes sonegado pelas empresas, lesando os cofres públicos. E se houver atraso, deve ser cobrado todo o valor devido da empresa, pois esse valor já vem embutido nas contas de energia e é pago pelo consumidor, cabendo à Energisa e outras empresas apenas repassá-lo ao governo.

Sei que é cedo para cobrar algo, mas gostaríamos de ver a conclusão dessa CPI e mais ainda que os preços da energia caiam e que a qualidade dos serviços melhorem para a população, que não aguenta mais ver CPIs, como a da Telefonia Móvel, que faz muito barulho e termina sem nada mudar ou melhorar para o cidadão.

Estamos de olho senhores deputados...