21 de Nov. de 2017 às 15:45

Sobe para 23 número de recapturados da cadeia com localização de mais 2

Os 34 detentos fugiram da cadeia em ação que ocorreu durante o banho de sol na última semana

Gazeta MT

Mais dois fugitivos da Cadeia Pública de Poconé foram localizados na noite desta segunda (20), durante trabalho da Polícia Civil com apoio da Polícia Militar. Na ação outros dois suspeitos foram detidos por tráfico de drogas.

Foram capturados os reeducandos Adyeliton Rondon da Silva Araújo, conhecido como "Cabelo", e Matheus Gabriel Jorge Rodrigues. Com eles, sobe para 23 o número de presos encontrados, faltando 11 para serem localizados. Já os suspeitos, H.S.S. e G.J.S., foram autuados no Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), por uso de drogas.

As diligências iniciaram logo após denúncia anônima, de uma residência no bairro João Godofredo, onde o morador H.S.S. estava dando cobertura para dois fugitivos.

Com base nas suspeitas, os policiais civis e militares deslocaram-se até o endereço informado. Na ocasião, foram surpreendidos os reeducandos, Adyeliton e Matheus, além do morador H.S.S. e outro jovem identificado como G.J.S.

No local foram apreendidas também algumas porções de drogas, além de apetrechos para embalar entorpecentes. Diante dos fatos, os quatro envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia, para as providências cabíveis. As investigações continuam para capturar os fugitivos restantes.

Fuga

Os 34 detentos fugiram da cadeia em ação que ocorreu durante o banho de sol. Os presos agrediram os dois agentes que estavam trabalhando e levaram cinco pistolas e duas escopetas. Segundo o agente Julio Fontes, houve troca de tiros, mas um dos presos o acertou com uma coronhada e trancaram-no dentro de uma cela. "Estava eu e uma companheira de serviço, quando fui entrar para fazer contenção, abri a cela, eles avançaram e saíram em disparada", relata.

O superintendente da secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), Gilberto Rondon, responsável pelo sistema prisional, também foi para Poconé para acompanhar os fatos de perto