11 de Out. de 2017 às 08:01

Maggi não é mais investigado pela Lava Jato

Gazeta MT

Por enquanto, Blairo Maggi não é mais investigado pela Operação Lava Jato. O ministro do Supremo Tribunal Federal -STF, Edson Fachin, decidiu redistribuir o inquérito que apura o recebimento de R$ 12 milhões da empresa Odebrecht por parte do ministro da Agricultura durante a campanha à reeleição ao governo em 2006, cujo pedido de abertura fora feito ainda nos tempos de Rodrigo Janot frente à Procuradoria Geral da República.

Janot foi o autor do pedido de abertura em março, Fachin cedeu. Janot foi substituído pela atual procuradora Raquel Dodge em setembro, Fachin redistribuiu. Em sua explicação, após término do prazo de permanência dos autos em âmbito policial e pedido de prorrogação para finalização das diligências, o parecer da PGR foi pela remessa dos autos à Polícia Federal para continuidade das diligências. Analisando os autos, Fachin disse não ver necessidade em se manter como relator.

A partir de agora, outro ministro deverá relatar o processo. Deste modo, a questão se volta à apreciação da presidente do STF, ministra Carmem Lúcia, cabendo ao novo relator apreciar os pedidos em aberto. Lúcia é quem decidirá sobre a condução do processo.