1 de Fev. de 2018 às 09:31

Bancada federal destina quase R$ 50 milhões para infraestrutura de Rondonópolis

Recurso deve ser destinado para obras no Parque Universitário

RENATA RAMOS

O prefeito Zé Carlos do Pátio tem "perturbado" a bancada federal de Mato Grosso para destinação de recursos para o município de Rondonópolis. Na manhã desta quinta-feira (01), o gestor municipal recebeu mais uma boa noticia com a visita de cortesia do deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA).Coletiva na prefeitura de Rondonópolis. Foto: GazetaMT

Conforme o deputado, já existe empenhado pelos 11 parlamentares do estado, quase R$ 50 milhões de reais, que devem ser destinados principalmente para obras de infraestrutura urbana.  "Rondonópolis é uma cidade importante assim como toda a região Sul de Mato Grosso. Por isso, nós destinamos este recurso coletivo" frisou o deputado.

Nilson Leitão também falou sobre o aumento no número de vagas para o curso de medicina em Rondonópolis, e a implantação de uma clinica de Radioterapia para tratamento de câncer. Ao todo serão 80 unidades em todo o país, duas delas funcionaram em Mato Grosso, sendo em Rondonópolis e Sinop, com recurso federal em parceria com o senador Wellington Fagundes (PR-MT).

O prefeito Zé Carlos do Pátio destacou o trabalho dos senadores, deputados federais e vereadores para o crescimento dos municípios mato-grossenses, e afirmou que o recurso deve ser destinado para obras no bairro Parque Universitário.

"A população precisa saber do trabalho feito por nossos vereadores em parceria com a bancada federal. Há certo tempo atrás fomos até Brasília, juntamente com o presidente da Câmara de Vereadores, Rodrigo da Zaeli, em busca de recursos. Na ocasião fomos recebidos pelo deputado federal Nilson Leitão que nos levou até o ministro das Cidades Bruno Araújo, onde estamos em busca de mais recursos ".

Durante a visita, o prefeito ainda falou sobre a saúde e educação no município. Zé do Pátio também destacou as ações realizadas pelo governo do estado.