10 de Junho de 2019 às 13:24

Janaína comenta sobre vazamento de diálogo de Moro e Dallagnol

Gazeta MT

A deputada Janaina Riva comentou em suas redes sociais o teor do vazamento da conversa, entre o ex-juiz federal Sergio Moro,, hoje ministro da Justiça do governo Bolsonaro, que orienta ações do Ministério Público Federal no âmbito da operação Lava Jato. Os diálogos foram obtidos, por um hacker que compartilhou o material de forma anônima. O interlocutor de Moro nas conversas vazadas é o procurador Deltan Dallagnol, do MPF, autor da denúncia que levou à condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no caso do tríplex do Guarujá.

A deputada criticou o trecho que Sergio Moro orienta Dallagnol "ficar"- investigar- apenas 30% dos políticos, já que a quantidade a ser investigada transcenderia a capacidade do Ministério Público e Judiciário. A deputada se mostrou indignada com um possível favorecimento na investigação Lava Jato. "E quando a gente escolhe 30% do que deveriam ser punidos? Como Fica isso? Porque para mim o restante era imaginável, ou alguém acreditava ao contrário disso? Os fins justificam os meios? E quando você opta por 30%dos fins e deixa os outros 70%? Fica a dúvida", questiona Janaina.

Ao final, a parlamentar ainda deixou a seguinte afirmação: "Parece que estamos em um país que só existe Lula e Bolsonaro".