8 de Nov. de 2018 às 09:21

Fabris ingressa com novo recurso no TJ

Gazeta MT

Os advogados do deputado estadual Gilmar Fabris (PSD) aguardam o julgamento de um segundo embargo de declaração pelo Tribunal de Justiça para que seja reconhecida a prescrição da pena de 6 anos e 8 meses decorrente de uma ação penal originada em 1996 que o acusa de peculato.

Desta vez, o advogado Zaid Arbid sustenta que no mesmo processo houve o reconhecimento da prescrição em julgamento de primeira instância de dois réus: Guilherme da Costa Garcia e Agenor Jácomo Clivatti.

Fabris aguarda uma decisão favorável para que a Justiça Eleitoral possa contabilizar seus 22.913 votos e assim viabilizar a posse para o sétimo mandato consecutivo na Assembleia Legislativa.