7 de Out. de 2018 às 11:27

Pedro Taques registra o voto em Cuiabá

Após quase quatro anos à frente do governo estadual, Taques falou sobre a campanha e avaliou um grande diferencial neste processo eleitoral

Gazeta MT

Candidato falou sobre o processo de campanha. Foto: GazetaMTO governador de Mato Grosso e candidato à reeleição, Pedro Taques (PSDB), votou na manhã deste domingo (07) no ginásio Aecim Tocantins, em Cuiabá. Ele chegou à sua zona eleitoral às 10:20, acompanhado de familiares, secretários de Estado e colegas de partido. No ambiente de votação, o candidato tucano cumprimentou apoiadores, enquanto aguardava pelo momento de depositar os seus votos na urna eletrônica.

Após quase quatro anos à frente do governo estadual, Taques falou sobre sua campanha e avaliou um grande diferencial neste processo eleitoral, em comparação com o de 2014, quando foi eleito governador do Estado. Ele destacou as falhas, o período mais curto e os esforços empenhamos para percorrer os municípios.


Nas eleições presidenciais, Pedro Taques apoia o companheiro de partido, Geraldo Alckmin (PSDB), mas ao avaliar os resultados das pesquisas de intenções de votos e um possível segundo turno entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), o atual governador afirmou que apoiará Bolsonaro. Além de ser contra a retomada do poder pelo Partido dos Trabalhadores (PT), ele explicou que é à favor de algumas propostas do candidato do PSL, entre elas a auto-defesa do cidadão por meio da liberação do armamento.


Sobre as propostas para um possível segundo mandato, Taques destacou investimentos na educação, através da construção de novas escolas, e na melhoria das estradas, além de ressaltar a melhoria dos indicadores em setores essenciais.Confiante e tranquilo, o candidato demonstrou expectativa para vencer a disputa no segundo turno e disse que confia no poder da população.