5 de Abril de 2018 às 11:38

Fávaro oficializa renúncia por projeto eleitoral de 2018

Em comunicado, ex-vice defendeu “missão” Democrática em “construir um novo projeto para Mato Grosso”

Robson Morais

Dias após a carta oficial em nome do Partido Social Democrático -PSD, o presidente estadual da sigla e até então vice-governador do Estado, Carlos Fávaro, entregou o cargo. O novo comunicado foi feito há pouco e segue defendendo o projeto independente do PSD rumo às candidaturas eleitorais de 2018.

A renúncia foi protocolada nesta quinta-feira,5, em carta entregue ao presidente da Legislativa Assembleia Eduardo Botelho -DEM . "Tomei essa decisão em razão da missão dada pelo meu partido, o PSD, de construir um novo projeto para Mato Grosso. A razão é simples: não poderia me dedicar a esse propósito, fortalecendo o partido para as candidaturas proporcionais e majoritárias recebendo o salário mensal de R$20 mil e nem continuar utilizando toda a estrutura que dá apoio à vice-governadora", argumenta Fávaro.

Comunicado postado por Fávaro em uma rede social. Foto: Reprodução

Racha

No final de março, o PSD oficializou o fim do namoro com o ninho tucano do atual governador Pedro Taques -PSDB, coma entrega de todos os cargos cedidos na gestão do Governo. A intenção do partido, agora, é lançar o atual vice-governador Carlos Fávaro ao Senado.

Se os planos mudarem, existe, ainda, a possibilidade de candidatura de Fávaro ao próprio Governo do Estado. Procurado pelo grupo oposicionista encabeçado pelo também pré-candidato ao Governo, Wellington Fagundes -PR, o PSD não confirmou aliança.

Os descontentes

Parte dos deputados filiados ao PSD se manifestaram contrários ao racha promovido por Fávaro. Apoiadores do projeto de reeleição de Pedro Taques, a negação ás intenções Democráticas atrasaram as empreitadas do ex-vice.

Ainda dentro do PSD, poderão amanhã desencadear uma debandada, último dia do prazo legal de abertura da chamada janela partidária. Um jantar promovido por Taques em sua casa reuniu possíveis dissidentes, dispostos a mudar de sigla.